sexta-feira, 20 de abril de 2012

Post Bi-anual queixando-me dos trabalhos de grupo

Que falta de pachorra. Não tenho tempo para nada e depois tenho de andar atrás de pessoal legalmente adulto para que eles se façam homens e mulheres e acordem para a vida, porque senão não se faz nada.
Não tenho vida para repetir cadeiras e certamente não tenho paciência para fazer trabalhos em segunda época.  Sinto-me especialmente inclinada a agredir pessoas se me responderem com o habitual "ah, esqueci-me" ou "ah, tive outros trabalhos".
Epá, though luck, eu também não só tenho uma porrada de trabalhos para Maio como tenho frequências a duas cadeiras e ainda trabalho a sério. Já não posso com estas cenas de deixar tudo para a ultima. Nem a porra de um video conseguem ter feito até ao final das férias da Pascoa (sorry Rafa, mas sabes que é verdade e estou fartinha de andar atrás de vocês a massacrar-vos com isso). 
Estou deveras irritada e cansada, e é um efeito de bola de neve, quanto mais penso nisso mais me irrito. E já estou mesmo a ver que vou ter de chegar a Segunda-feira a berrar com pessoas. É assim não sou mãe nem babysitter de ninguém e odeio crianças em geral, pelo que não o faço por gosto. Assim como odeio mandar nas pessoas. Mas quando ninguém tem autonomia correspondente a um estudante universitário, não há grande coisa que eu possa fazer (e aqui já não estou a falar de ti Rafa).
E depois ainda me vem a minha mãe dizer que tenho mau feitio quando ela também só faz perguntas estúpidas.
Como diria a J.: ninguém merece.

Sem comentários:

Enviar um comentário